Procurar 

Postei esse artigo originalmente em 10/12/2009, mas agora no final de setembro de 2010 o Google lançou o Google Street View de cidades brasileiras, o que somado com o Google Earth que não precisa mais ter um programa a parte e já funciona assim como o Street View dentro do navegador internet na página do Google Maps, o assunto torna-se pertinente. Chegamos no ponto em que todos que gostam do assunto queriam chegar. O único problema é pedir para que o São Google não fique simplesmente atualizando o Earth e o Street View e sim atualize e de a chance de se escolher o ano em que se quer passear navegar. Pois uma das qualidades dos mapas convencionais (arquiteturais ou outros) é ser um documento histórico de uma momento. Se o Street View tiver essa opção futuramente vai ser o paraíso...

Segue abaixo o artigo original apenas com o acréscimo de um link para um mapa na Biblioteca Nacional e um mapa que eu estava devendo.

.................

O termo "Mapa Arquitetural" é tão raro como a existência desses mapas e o próprio termo caiu em desuso. Obviamente a palavra "arquitetural" refere-se a obras arquitetônicas, prédios, por exemplo. No Rio temos um exemplar datado de 1874, retratando o Largo de São Francisco, no Centro.

Link para o mapa abaixo:

http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_cartografia/cart175745.pdf




Na foto de Marc Ferrez abaixo podemos ver a Escola Politécnica, que aparece no mapa, no topo do Largo. Essa Escola é o atual IFICS (Instituto de Filosofia) da UFRJ, e alguns anos antes era a Academia Militar.



Notem que nesse mapa do Rio não é usado uma vista dos prédios em perspectiva, e sim a fachada do prédio. Já na capa da revista The New Yorker, abaixo, o mapa arquitetural adquire sua melhor essência visual e arquitetônica.



Porém esse tipo de mapa pode ser artístico, no sentido mais amplo da palavra, pois qualquer mapa tem um fundo de arte...

Vejam Manhattan abaixo e mais abaixo o sudeste americano mais artístico ainda.





Do Rio de Janeiro recente temos um trabalho maravilhoso de Victor Castro. Abaixo a versão de 1993, mas eu tenho também um de 1989 e outro de 1965 preto e branco e me parece existir um de 1962 colorido. Se alguém souber de outros, avisem.



Um que estou procurando em meio digital (o link da Biblioteca Nacional está corrompido) é o "Rio de Janeiro Monumental de Carlos Aeninshanslin de 1915", que segue abaixo um único pedaço decente que tenho e ele inteiro ilegível em seguida.





http://bndigital.bn.br/scripts/odwp032k.dll?t=xs&pr=fbn_dig_pr&db=fbn_dig&disp=list&sort=off&ss=new&arg=central+monumental&argaux=central+monumental&use=kw_livre&x=19&y=11


Nos dias de hoje é impensável alguém realizar esse tipo de trabalho, pois o google Earth tende a suprir com louvor a carência desse tipo de mapa, e ainda com atualização constante e possibilidade de facilmente trocar o ângulo de visão dos prédios em 3D disponíveis.


Compare essa vista do google Earth de Nova York com o mapa artístico mais acima.





Claro que as imagens acima ainda deixam muito a desejar, mas é apenas questão de tempo.

[ ]s
Marco Antonio Perna

Permalink  [ 1 comentário ] ( 1391 views )   |  [ 0 trackbacks ]

<<Primeiro <Voltar | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | Próximo > Último >>


Avise Um Amigo
Avise um Amigo

Opiniões/Comentários



Prezado Marco Antonio, os mapas antigos do Rio podem ser encontrados no arquivo da Web:
http://web.archive.org/web/20071212065048/www.brazilbrazil.com/riomaps.html

 

Adicione sua Opinião/Comentário

Escreva seu comentário abaixo.









Insert Special:


:-)







Moderation is turned on for this blog. Your comment will require the administrators approval before it will be visible.


Nutricao Clinica

Saude e Beleza Express


Agenda da Danca de Salao Brasileira

Tenha Sua Loja Virtual

Catalogo de Medalhas

DVDs dança de salão


free counters