Home - Início | Voltar | Entre em Contato


Marco Antonio Perna é analista de sistemas e pesquisador, com mestrado em sistemas e computação. Desde 1997 pesquisa a dança de salão sendo o criador do portal Agenda da Dança de Salão Brasileira que no final do século 20 uniu os dançarinos brasileiros pela internet. É autor do livro "Samba de Gafieira: a história da dança de salão brasileira", do livro "Dança de Salão Personagens e Fatos" e já escreveu artigos e textos de danca de salão para os Correios e para jornais de dança como: Dança e Saúde, jornal Dance, Dance News e Falando de Dança. Também escreveu artigo para o livro da coleção "As Melhores Dicas da Dança de Salão", da editora Delprado. Participou de congressos de dança de salão e promoveu seis edições do congresso Salão Rio Dança. Como dançarino de salão teve aula com Jaime Arôxa e seus instrutores e também com João Carlos Ramos da Cia. Aérea.


Procurar 

Nessa sequencia do primeiro filme novamente é seguida a fórmula de misturar um estilo de dança com street dance. No primeiro foi o Ballet, no segundo é a Salsa (aquele ritmo démodé). Essa mistura deixa a série com uma ótima sobrevida. Afinal, já vimos em outras séries de filmes (ou filmes únicos) o encontro entre street dance e ballet ou mesmo dança contemporânea. Mas nunca a fusão como nessa série. O curioso é que a protagonista usa tango para ensinar a se dançar com paixão. Será que eles acham necessário ou foi só para incluir mais uma dança ? Lembro de uma salsa dançada por Rogerio Mendonza de Sampaio e Daniela Escudero T em um baile da antiga filial do Jaime Arôxa Curso na Barra da Tijuca. Foi num canto do baile, fora da pista. Ninguém os observava ostensivamente. Estavam despreocupados. Nunca vi uma apresentação de qualquer coisa tão, tão... Enfim, era Salsa com paixão.
Voltando ao filme posso dizer que vale a pena ver. Boas apresentações, apesar de nada especial para quem já viu diversos filmes do gênero, mas bastante agradáveis. Como lição apenas o de não ser aquela pessoa que desiste na última hora. Gostei de ver a figura do "manager" ou produtor tendo a devida importância. Dançarinos, coreógrafos, "coaches" (ou mesmo professores) sempre foram prestigiados. Não lembro de nenhum outro filme de dança a dar valor ao "manager". Nota ? Só tenho 3 notas, A (com adjetivos), B (com adjetivos) e C... Posso dar um B com louvor para não dar um A por favor!
Que venha o terceiro com o ritmo da moda: LambadaZouk.

Marco Antonio Perna - 14/08/2012

Nome Original: StreetDance 2
Direção: Max Giwa, Dania Pasquini
Lançamento: 2012
Duração: 85 Minutos
Sinopse: Para vencer o melhor grupo de dança do mundo, o dançarino da rua Ash (Falk Hentshel), juntamente com o seu novo amigo Eddie (George Sampson), parte à procura dos melhores dançarinos de rua de toda a Europa, apaixonando-se em Paris por uma bela bailarina de salsa, Eva (Sofia Boutella).

Permalink  [ Escreva seu comentário ] ( 71 views )   |  [ 0 trackbacks ]


Avise Um Amigo
Avise um Amigo

Galeria de imagens

Anexos

Opiniões/Comentários



 

Adicione sua Opinião/Comentário

Escreva seu comentário abaixo.









Insert Special:








Moderation is turned on for this blog. Your comment will require the administrators approval before it will be visible.




Cadastre seu email


Digite seu email para se inscrever
e tecle [enter].
Você será cadastrado na minha lista de divulgação da Agenda da Dança de Salão Brasileira, que fica no yahoo.com.br e que você poderá se descadastrar quando quiser.
Você receberá por email um pedido de confirmação (em inglês).
Basta responde-lo para ser cadastrado.
Mandarei somente avisos de postagens no Blog e notícias esporádicas.


Siga meu TWITTER.

Links

» Paleocartografia by Marco Antonio Perna

» Dicas DVD/CD/BD

» Loja: DVD/Livros de dança

» Agenda Da Dança de Salão Brasileira

» Nutricionista Clínica

» Saude e beleza express

» Login


@@@@@@@@@@@@@@$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$